CONTEÚDO DE BLOG

Como saber o faturamento de uma empresa de forma simplificada

Entre as principais dificuldades dos novos empreendedores estão  acompanhar e interpretar as informações financeiras da sua empresa. Acontece que a saúde financeira é determinante para o sucesso ou falência de um negócio. Desta forma, sem uma base de conhecimento sobre finanças, administrar uma empresa torna-se uma tarefa muito difícil. 

Com isso, o faturamento está entre os mais importantes indicadores financeiros que ainda causam muitas dúvidas. Isso porque, nem sempre os gestores acompanham os dados de faturamentos de perto, deixando passar informações essenciais para a tomada de decisão da empresa. 

Por isso, preparamos este conteúdo especial para te mostrar como saber o faturamento de uma empresa de forma simples para o sucesso da sua organização. Assim, você conhecerá mais sobre: 

  • O que é faturamento? 
  • Quais as vantagens de se realizar o acompanhamento do faturamento?
  • Como saber o faturamento de uma empresa
  • Observações importantes sobre o faturamento!

O que é faturamento? 

O faturamento é uma das palavras mais usadas no mundo dos negócios. Seu significado é simples, representa a soma de todas as vendas de uma empresa em um determinado período. 

Por demonstrar o montante que entra em um negócio, o faturamento é bastante utilizado para mensurar o tamanho de uma organização independente de sua atividade comercial. 

Quais as vantagens de se realizar o acompanhamento do faturamento?

Saber o faturamento de sua empresa é essencial para uma administração assertiva, isso porque: 

  • É o valor do faturamento da  sua empresa que irá classificá-la quanto ao tamanho, ou seja:  MEI, microempresa e empresas de pequeno, médio ou grande porte;
  • O faturamento também é utilizado como ponto de partida para outros indicadores, tais como,  lucro e o fluxo de caixa e o ponto de equilíbrio financeiro
  • Acompanhar esse indicador de perto permite identificar padrões de vendas e previsões para os próximos meses ou anos; 
  • Como resultado, os gestores possuem em mãos dados fundamentais para a  tomar decisões antecipadamente a momentos de menor faturamento, como articulação de estratégias para aumentar o lucro. 

Como saber o faturamento de uma empresa 

Agora que vimos a importância de saber o faturamento, vamos conhecer um pouco mais sobre como determinar o faturamento. Primeiramente, há dois tipos de faturamento:  o bruto e o líquido. 

  • Faturamento bruto: O faturamento bruto corresponde ao valor total recebido pelas vendas realizadas em um determinado período. Calcular o faturamento bruto é simples, basta multiplicar o volume de vendas de cada produto/serviço oferecido pelo seu preço. 
  • Faturamento líquido: No faturamento líquido, o valor dos impostos de cada operação de venda é subtraído do valor do faturamento bruto. Casos de deduções de vendas também são levados em consideração nessa subtração, quando aplicável. 

Bom, para compreendermos melhor o faturamento, vamos aplicar esses conceitos em um exemplo de forma simples.

A empresa Mais Saúde comercializa refeições congeladas. No último mês foram realizadas 3000 vendas, cada uma com valor de 20 reais.  

Faturamento bruto = número de refeições vendidas x preço unitário

Faturamento bruto = 3000 X R$  20,00 

Faturamento bruto = R$ 60.000

Descobrimos então que o faturamento bruto da empresa Mais Saúde é de R$ 60.000. No entanto, digamos que os tributos da venda pagos pela organização correspondem a 12% do faturamento. Assim: 

Banner da Rock Convert Esag Jr2

Faturamento líquido = Faturamento bruto – tributos 

Faturamento líquido = R$ 60.000 – 12% 

Faturamento líquido = R$ 52.800 

Ou seja, o seu faturamento líquido é de R$ 52.800. Lembrando que, nos casos de dedução de vendas, o valor dessas vendas precisam ser descontadas no faturamento líquido.

Observações importantes sobre o faturamento!

Mas para entendermos melhor como saber o faturamento de uma empresa, separamos algumas pontos que você deve prestar atenção: 

  1. Faturamento não é lucro

O lucro é o montante que resta após descontar os valores dos custos das receitas de uma organização. Portanto, um alto faturamento não  corresponde, necessariamente, a um lucro elevado. 

Isso porque, empresas que faturam muito, mas que possuem um elevado gasto, podem apresentar lucros abaixo do esperado, ou até mesmo, negativo. 

  1. O regime tributário vai ser calculado com base no faturamento bruto:

No início deste artigo citamos que o tipo de regime tributário de uma empresa é determinado de acordo com seu faturamento. Para isto, é utilizado o faturamento bruto. 

Mais informações sobre cada classificação, suas obrigações e limites estão descritas com mais detalhes no site da Receita Federal. Mas como resumo, podemos classificar as empresas como: 

  • MEI (Microempreendedor Individual): autônomos com faturamento bruto anual de até R$ 81.000
  • Microempresa: Faturamento bruto anual de até R$ 360.000
  • Empresa de pequeno porte: Faturamento bruto anual de até R$ 4.800.000 
  • Empresa de médio e grande porte: Faturamento bruto anual a partir de R$ 4.8000.000

No caso das micro e pequenas empresas, o regime tributário enquadrado é o Simples Nacional. Já empresas com faturamento maior se enquadram em tributações mais complexas, são elas o Lucro Presumido (para faturamento anual de até R$ 78 milhões) e o Lucro Real (faturamento anual superior a R$ 78 milhões). 

Conclusão

Chegamos ao fim de mais um artigo e esperamos que você tenha aprendido mais sobre como saber o faturamento de uma empresa. Esse é um dos primeiros indicadores financeiros a ser calculado e servirá de base para a  identificação de padrões de vendas, previsão de faturamento e tomada de decisões estratégicas com mais assertividade. 

Para se beneficiar de todas essas vantagens, o acompanhamento do faturamento deve ser feito de forma constante e meticulosa. Como observamos, o cálculo do faturamento não é tão complexo. O faturamento bruto representa os valores recebidos pelas vendas de cada produto em um determinado período. Já no faturamento líquido, é descontado os valores dos impostos e deduções de vendas do faturamento bruto. 

E falando de impostos, acompanhar o faturamento apresenta uma extrema importância quando nos referimos a regimes tributários. Isso porque, de acordo com o valor do faturamento bruto que sua empresa será enquadrada nos regimes vigentes. 

Com isso, está na hora de olhar para a sua empresa. Como está sendo a monitorização do faturamento do seus negócios? Lembre-se, as informações financeiras são os dados mais importantes de uma organização, portanto, toda atenção é pouca. 

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin

Aproveite a visita para
assinar a nossa newsletter.