CONTEÚDO DE BLOG

Inteligência de Mercado e Inteligência Competitiva: conheça a diferença!

O segredo de um ótimo negócio é elaborar um bom planejamento estratégico e, para isso, sua empresa precisa ter conhecimento de informações técnicas confiáveis a fim de tomar a decisão certa e diminuir os riscos de erros.    

Para realizar um planejamento estratégico eficiente é necessário saber a diferença entre inteligência de mercado e inteligência competitiva, embora sejam termos semelhantes eles possuem conceitos distintos e que são importantes para o seu negócio. 

Por isso, vamos falar sobre a diferença entre inteligência de mercado e a competitiva para você e sua empresa estarem preparados para fazer um ótimo planejamento! Continue a leitura. 

O que é Inteligência de Mercado? 

A inteligência de mercado direciona o planejamento do seu negócio com foco no cliente, então ela coleta e analisa dados para avaliar e compreender a posição da empresa e o comportamento de compra do público-alvo.

Os dados podem ser coletados por meio de canais de comunicação, que permitem maior interação com o público e analisar o perfil do cliente. Depois, pode-se fazer análises estatísticas, sejam econômicas ou sociais, e relacionar com demandas, demografia, consumos etc.

A partir disso, é possível observar o mercado para identificar oportunidades, tendências e demandas de consumo, bem como decidir as diretrizes a serem implementadas pela empresa em determinado tempo, ou seja, a inteligência de mercado vai permitir elaborar um planejamento estratégico bem estruturado

O que é Inteligência Competitiva?

Já a inteligência competitiva direciona o planejamento com foco na concorrência, levando em conta técnicas e análises de dados para aplicar ações de planejamento a longo prazo e  comparar com organizações do mesmo segmento de mercado. 

Além de possibilitar uma maior constância e um ambiente organizacional estabelecido, ela também permite acompanhar e observar os principais competidores do seu nicho.

Logo, a inteligência competitiva tem um papel fundamental para aumentar a competitividade da sua empresa, como também desenvolver insights e estratégias de marketing mais promissoras a fim de evitar investir em estratégias erradas. 

Qual a diferença entre a inteligência de mercado e a competitiva? 

Veja a seguir os pontos mais detalhados entre os dois termos que separamos para você compreender a diferença. 

Foco 

O foco é a principal diferença entre os dois conceitos e que direciona como serão feitas as análises e estratégias para o planejamento. 

Na inteligência de mercado vimos que o foco é o comportamento dos consumidores, então a busca é por entender os hábitos e preferências dos clientes para estruturar um cenário que chame a atenção do público-alvo, tentando sempre inovar. 

Já na inteligência competitiva o foco é a competitividade da empresa, logo, o estudo vai ser baseado nos concorrentes, em como eles atuam, quais seus pontos fortes e fracos, e claro, através desses pontos levantados, pensar e desenvolver estratégias para sua empresa assumir uma melhor posição em relação aos demais concorrentes.  

Estratégia

Outra diferença é as estratégias que são tomadas a partir de cada conceito, já que eles possuem focos diferentes, consequentemente, as análises e resultados vão ser diferentes também. 

Banner da Rock Convert Esag Jr2

Enquanto a inteligência de mercado prioriza estratégias voltadas ao perfil do consumidor como, por exemplo, selecionar modelos, cores, tamanhos e tipos que chamam mais atenção do cliente, a inteligência competitiva desenvolve estratégia voltada para o mercado e para otimizar ainda mais o potencial do time de vendas. 

Como trabalhar com esses dois conceitos juntos? 

Agora que vimos a diferença entre os dois termos que são, principalmente, relacionados a focos e estratégias diferentes, é possível utilizar esses dois conceitos para montar um planejamento estratégico bem estruturado e eficiente. 

Entretanto, é preciso trabalhar com eles em equilíbrio e evitar a sobreposição dos dados e informações. 

Veja abaixo algumas dicas de como implementar esses dois conceitos no seu negócio:

#01. Faça um planejamento integrativo

Integrar a inteligência de mercado com a competitiva vai viabilizar um planejamento integrativo caso siga a análise de dados considerando os dois focos: o competitivo, que vai auxiliar os gestores em identificar os pontos de melhoria e planejar ações a longo prazo; e o de mercado, que tem o objetivo de coletar informações para melhorar o produto ou serviço ofertado a fim de manter, reter e aumentar o número de clientes.

Algumas ferramentas de análise que integram esses dois conceitos podem ser encontradas no big data, que além de coletar informações fundamentais para o seu negócio, serve também como banco de dados que gera análises dos clientes e empresas concorrentes. 

#02. Analise os possíveis cenários 

É muito importante ter noção dos possíveis cenários que podem surgir, mas não se preocupe, todas as informações coletadas desses dois conceitos são suficientes para montar um planejamento estratégico com ações constantes e adaptáveis. 

Juntar a inteligência de mercado e a competitiva vai mostrar os possíveis cenários que sua empresa precisa saber para melhorar os indicadores, atingir os resultados de vendas, ter insights de marketing, entre outros. 

#03. Encontre a carência no mercado que sua empresa pode suprir

Após juntar as análises dos dois conceitos e analisar os possíveis cenários, é a hora de encontrar um diferencial através de uma exploração direcionada a isso. 

Um exemplo é cruzar as informações referentes ao estudo da concorrência (ter ciência do que já está circulando no mercado) e o estudo do mercado (como o mercado está reagindo a isso), e a partir disso, avaliar em que etapa do processo os clientes não estão sendo plenamente atendidos e procurar meios de suprir essas necessidades. 

Sabemos que o uso do meio digital facilitou a comunicação com os clientes, mas também tornou a competitividade mais acirrada uma vez que há maior facilidade de compra e anúncios, então uma estratégia que busque o diferencial nesse caso pode ser melhorar a experiência do cliente. 

Com essas análises somadas ao big data, a empresa pode sair na vantagem em relação aos seus concorrentes, basta compreender o foco para cada análise e buscar inovar, pois o diferencial vai destacar sua empresa. 

Conclusão 

E para concluir, agora você sabe mais a diferença entre inteligência de mercado e inteligência competitiva, principalmente seus focos e estratégias, e com isso, pode elaborar um planejamento estratégico bem estruturado para seu negócio e conseguir se destacar no mercado. 

Ficamos por aqui, até mais! =D

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin

Aproveite a visita para
assinar a nossa newsletter.