CONTEÚDO DE BLOG

Análise Swot: saiba porque ela é primordial para o seu negócio + modelo grátis!

A análise SWOT é uma das ferramentas mais utilizadas para o planejamento estratégico. E com certeza você já utilizou esta análise mesmo sendo de forma instintiva, seja na escolha profissional ou pessoal. 

De forma geral, a análise SWOT permite a avaliação do cenário em que sua empresa está inserida, e com isso, disponibiliza informações importantes para a tomada de decisões mais assertivas e possuir uma excelência na gestão empresarial.   

Mas se você não conhece ou não sabe como aplicar a Matriz SWOT em seu negócio, continue neste artigo que iremos explicar mais como esta ferramenta é essencial para o sucesso da sua organização através dos seguintes tópicos: 

  • O que é a análise SWOT ? 
  • Como funciona a análise SWOT?
  • Qual a vantagem de se utilizar uma análise SWOT?
  • Como montar uma matriz SWOT? 

O que é a análise SWOT? 

A nomenclatura SWOT é uma sigla em inglês das palavras que irão guiar o processo de planejamento. No português, SWOT é traduzida como FOFA que representa: Força, Oportunidades, Fraqueza e Ameaças. 

A análise SWOT, ou FOFA, pode ser aplicada durante o planejamento de projetos, tomada de decisões, bem como, para avaliar a situação real de uma organização. Desta forma,  esta ferramenta permite aos  gestores  investigar os pontos fortes e fracos, tanto na esfera do ambiente interno como também do externo à organização ou o projeto. 

Assim, a visão completa e clara desses cenários possibilita tomada de decisão   de forma mais assertiva, seja com a identificação de oportunidades a serem aproveitadas ou na prevenção de possíveis riscos. 

Como funciona a análise SWOT?

A análise SWOT pode ser dividida em duas partes. A primeira é voltada para uma análise interna, enquanto que a segunda é voltada para uma análise externa da sua empresa. Para entendermos melhor como funciona esta ferramenta, vamos olhar para cada elemento desta análise individualmente: 

  1. Ambiente Interno

A análise do ambiente interno objetiva compreender e ter maior controle sobre tudo que está a comando da organização, ou seja, recursos físicos, financeiros, tecnológicos,  humanos e outros exemplos gerenciáveis internos. Com isso, o estudo desse ambiente é realizado para a avaliação das Forças e Fraquezas da empresa.

  • Forças (Strengths): Neste primeiro quesito é descrito todas as forças e vantagens da empresa que representa uma vantagem competitiva em relação aos seus concorrentes.  

Para auxiliar na definição das forças do seu negócio, você pode utilizar de perguntas como: Qual nosso melhor produto? Como está a nossa estratégia de marketing e venda? Como é a nossa capacidade produtiva? 

  • Fraquezas (Weaknesses): Do outro lado do espectro, o reconhecimento das fraquezas ou deficiências internas é necessário ser feito de forma sincera. Assim, ações para contornar os problemas podem ser planejadas.

Neste ponto, leve em consideração todas as desvantagens que prejudicam a sua empresa em relação aos seus concorrentes, tais como: Qual a qualidade da nossa matéria-prima e produtos finais? Nossos funcionários são corretamente capacitados? Quais os maiores custos da empresa? 

  1. Ambiente Externo 

A segunda parte da análise SWOT é focada no estudo do ambiente externo, ou seja, tudo que está além do controle da sua organização, mas que ainda assim influencia  nos seus negócios, como por exemplo: a realidade do mercado, política, legislações atuais, fornecedores, consumidores e outros.

Pelo fato destas situações não puderem ser controladas, os gestores devem estar sempre atualizados quanto às transformações que ocorrem ao seu redor. Logo, esses fatores devem ser previstos com antecedência para que as ações adequadas possam ser tomadas, seja para um efeito positivo ou evitar um efeito negativo. 

  • Oportunidades (opportunities): São consideradas oportunidades aqueles fatores que podem impactar positivamente na sua organização. Ou seja, fatores que irão favorecer competitivamente ou aumentar o crescimento do negócio. 

Embora certas condições possam ser consideradas como oportunidades para a empresa A, ela não pode ser traduzida assim para uma empresa B. Assim, para identificar oportunidades, os gestores precisam ter um bom faro. A principal dica é estar bem antenado com o mundo a sua volta: Há alguma nova tecnologia que meus concorrentes não possuem? Qual a tendência da taxa de juros e o câmbio? Há algum evento importante que pode ser aproveitado?

  • Ameaças (Threats): Assim como na análise do ambiente interno, também devemos analisar os pontos negativos relacionados ao ambiente externo. As ameaças são todas as condições que podem afetar de forma negativa os seus negócios, seja no planejamento estratégico ou nos resultados.

Os gestores devem estar atentos a possíveis ameaças a fim de se prepararem a tempo. Então perguntas como: Há novos concorrentes chegando no mercado? Como está a política de tributação atual? 

Qual a vantagem de se utilizar uma análise SWOT? 

Anteriormente citamos a importância de se realizar uma análise SWOT para a tomada de decisões mais assertivas. No entanto, esta ferramenta também promove outros benefícios para as empresas que o aplicam, tais como: 

  • Melhora a posição estratégica da sua empresa no mercado
  • Identificar pontos de melhorias na empresa
  • Priorização de atividades 
  • Estudo das estratégias da empresa

Como montar uma matriz SWOT? 

Como comentamos anteriormente, a análise SWOT é uma ferramenta de reflexão que irá auxiliar na tomada de decisões de diferentes cenários, seja no lançamento de um novo produto, novo planejamento ou em grandes decisões gerenciais. 

A matriz SWOT é popular não apenas pela sua versatilidade de aplicação, mas também pela sua facilidade de criação, podendo ser realizado em um quadro em branco ou em uma simples planilha. Para montar esta matriz basta criar quatro quadrantes, em cada uma será utilizada para um dos fatores da análise SWOT (Forças, Fraquezas, Oportunidades e Ameaças). 

Se você não sabe como montar a sua matriz SWOT, disponibilizamos um modelo com o exemplo de uma análise de uma doceria. 

Para a maior riqueza de detalhes, recomenda-se que todo o time envolvido no planejamento analisado esteja envolvido. Outro ponto importante para o sucesso desta ferramenta é a sinceridade e ser realista quanto aos pontos fortes e fracos da organização.  

Após compilar todas as informações necessárias, o próximo passo é relacioná-las e começar a criar o plano de ação que possa aproveitar os pontos fortes e oportunidades e, em simultâneo, diminuir os riscos causados pelas fraquezas e ameaças da empresa. 

Conclusão

Neste artigo mostramos como a análise SWOT é uma ferramenta simples e ao mesmo tempo versátil e eficiente para identificar a realidade da sua organização, em relação aos pontos fortes e fracos, e com isso possibilitar uma visão ampla para a tomada de decisão na sua empresa de forma assertiva. 

Por fim, como comentamos acima, a matriz SWOT pode ser aplicada em diversas situações, portanto, está na hora de fazer. Utilize o nosso modelo disponibilizado e garanta uma aliada nas suas decisões empresariais futuras.

#Modelo Gratuito!

Análise SWOT modelo para aplicação
Análise SWOT modelo para aplicação
Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin

Aproveite a visita para
assinar a nossa newsletter.