CONTEÚDO DE BLOG

6 etapas essenciais para realizar uma Análise de Mercado

Você sabia que existem algumas etapas essenciais para elaborar uma ótima análise de mercado? Neste artigo te explicamos todas elas!

Antes de abrir um negócio ou inserir-se em um mercado já existente, algumas ferramentas podem ser muito úteis para ampliar as chances de sucesso e garantir que as decisões referentes ao seu negócio sejam tomadas de forma mais embasada e assertiva.

As análises de mercado são feitas para entender o tamanho do mercado para o seu setor e aumentar sua participação nele, entendendo especificidades como a segmentação de clientes, seus hábitos de consumo, os concorrentes, o cenário econômico, as tendências, legislações, etc. Este estudo dá uma visão mais abrangente e completa do cenário no qual pretende atuar, antecipando fatores de risco e tomando decisões mais conscientes acerca de sua estratégia.

Por mais que você tenha uma ideia incrível e o valor necessário para investir no seu negócio, as chances dele prosperarem são baixas sem um estudo preciso de riscos e oportunidades. No post de hoje, listamos alguns fatores que você deve levar em consideração para analisar, de forma mais aprofundada, o mercado no qual deseja se inserir, para que possa se preparar da melhor forma e garantir o sucesso do seu negócio.

#01. Entenda o tamanho do mercado.

Quanto mais consumidores um produto ou serviço tiver, maior também será a probabilidade de você obter sucesso. Por isso, é importante analisar o potencial de crescimento e de rentabilidade desse mercado para tomar atitudes mais certeiras em relação a investimentos, compreendendo a sustentabilidade do seu negócio no médio e longo prazo. Assim, você deve levar em conta o poder de compra do seu público alvo, a disponibilidade de fornecedores e de matérias-primas, barreiras à entrada ou à inserção do seu produto em uma certa região, etc.

  • Defina seu público alvo: para direcionar suas vendas e ações de marketing, principalmente no caso de produtos ou serviços mais específicos, é importante definir a buyer persona, isso é, o cliente final ao qual o fruto do seu trabalho será destinado. Você pode criar um personagem fictício e especificar sua profissão, gênero, idade, região onde mora, hábitos de consumo, dentre outras informações que sejam relevantes para entender exatamente quais as suas necessidades e como seu produto ou serviço pode supri-las.

A partir disso, sua estratégia de marketing deve seguir um caminho consistente e coerente com o público alvo, utilizando uma linguagem adequada para se relacionar com ele e criando uma conexão para que o consumidor se identifique, para além do produto, com os valores e atitudes da sua empresa.

Banner da Rock Convert Esag Jr2
  • Use a matriz SWOTtambém conhecida como análise FOFA, é uma ferramenta bastante útil na hora de considerar sua presença em um mercado. Ela permite analisar as Forças (strengths), Oportunidades (opportunities), Fraquezas (weaknesses) e Ameaças (threats) ao seu negócio, elencando fatores a serem considerados para montar uma estratégia de inserção ou expansão.

#02. Identifique as tendências do mercado.

Isso será útil para decidir em quais produtos ou serviços vale a pena investir. O que seus clientes precisam e não estão encontrando? O quão dispostos estão a pagar por isso? É possível criar uma demanda, caso o produto seja relativamente novo?

  • Conheça a sua concorrência: ao analisar o comportamento de outros players que atuam no mesmo setor, é possível identificar seus pontos fortes e fracos, aprender com seus erros, ficar de olho em suas estratégias e se esforçar para estar à frente sempre que possível, adquirindo vantagens competitivas.
  • Analise as barreiras da indústria: entenda o que pode impedir sua produção e distribuição, a possibilidade de sucesso ao atuar no mercado escolhido, as medidas legais, regulamentações e normas que devem ser observadas, etc.
  • Considere todos os cenários: ao analisar a viabilidade da sua presença em dado mercado, é importante fazer projeções otimistas e pessimistas para o futuro, a fim de se preparar para qualquer imprevisto.

#03. Considere os 4 Ps do marketing: produto, preço, praça e promoção

  • Produto: aquilo que você oferece é relevante? Há demanda para o seu bem ou serviço? Ele supre alguma necessidade latente? Por que seu consumidor deve escolher o seu produto ao invés do concorrente?
  • Preço: seu valor é compatível com o público ao qual seu produto ou serviço se destina? É condizente com a concorrência? Cobre todos os custos de produção e gera lucro?
  • Praça: você pretende investir em lojas físicas ou e-commerce? O canal escolhido é capaz de garantir ou sustentar seu sucesso no mercado? O consumidor possui fácil acesso? Qual a disponibilidade do seu produto ou serviço?
  • Promoção: como você vai divulgar aquilo que produz? Sua estratégia de marketing é efetiva e convincente? Ela está bem estruturada e atingindo os objetivos aos quais se propõe?

#04. Reflita sobre os seus custos.

Entenda o seu capital inicial, quanto você precisa investir para fazer seu negócio funcionar e quanto custa levar seus produtos ou serviços ao mercado, considerando também futuras necessidades de investimentos para a expansão da empresa, investimento em equipamentos, contratação de funcionários, aluguel de ponto e possivelmente de maquinário, despesas imprevistas, etc.

Lembre-se que, ao fazer parte de uma cadeia produtiva, é muito provável que você precise contar com parceiros e fornecedores. Algumas variáveis devem ser consideradas, como preço, prazo e negociação. Estas escolhas influenciarão no resultado e no preço do produto final, então analise suas possibilidades de forma a fazer a melhor escolha para o seu negócio e para os seus objetivos de mercado.

#05. Encontre seu diferencial.

O principal fator para alavancar seu negócio é garantir que a sua marca se destaque, seja através do preço praticado, da qualidade do produto, de algum fator de inovação da sua empresa ou algum diferencial exclusivo. Conheça bem e de forma profunda aquilo que quer vender: torne-se um especialista e encontre o aspecto que faz do seu produto único e que faz com que o seu cliente opte por aquilo que você oferece ao invés de comprar da concorrência.

  • Atendimento: um dos grandes elementos de diferenciação, principalmente em um contexto onde tudo se torna cada vez mais automatizado, é o atendimento. A sensação que o consumidor tem ao ser bem-recebido, acolhido, compreendido e ter seu problema resolvido pode ser o fator decisivo para que ele continue sendo seu cliente – ou não. Assim, é importante investir no customer service, humanizando cada vez mais as interações com seu público para que ele se sinta valorizado pela sua marca, confiando na sua empresa para resolver qualquer dúvida no pré-venda ou problema no pós-venda.

#06. Use as métricas a seu favor.

Não faltam programas e softwares no mercado para otimizar o seu trabalho, seja em qual setor for. Para conhecer melhor o seu mercado, por que não utilizar mecanismos de busca, análise de tráfego e SEO (Search Engine Optimization)? Eles serão ótimos aliados para alavancar sua inserção no meio digital, assim como para entender os comportamentos do seu público alvo, as tendências digitais, o desempenho da sua estratégia e dos seus concorrentes online, entre diversas outras variáveis que podem ser mensuradas e analisadas através do marketing digital.

Podemos entender que abrir uma nova empresa ou expandi-la para novos mercados ou regiões pode ser um desafio; contudo, seguindo alguns passos e analisando todas as variáveis que podem influenciar o sucesso do seu negócio, é possível tomar decisões de forma mais tranquila, consciente e confiante. A ESAG Jr. oferece soluções para que a sua empresa possa dar os próximos passos de forma bem-sucedida. Entre em contato para descobrir o que podemos fazer pelo seu negócio!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no linkedin

Aproveite a visita para
assinar a nossa newsletter.