aprenda-a-cortar-os-custos-da-sua-empresa-e-enfrentar-a-crise

Aprenda a cortar os custos da sua empresa e enfrentar a crise

Segundo o FMI (Fundo Monetário Internacional) a previsão para a economia brasileira no ano de 2015 é de retração de 1,5%. Para sobreviver a essa crise econômica muitas empresas estão demitindo seus colaboradores e segundo especialistas do mercado de trabalho, até o fim do ano 1,2 milhão de trabalhadores perderão seus empregos no Brasil. Será que não há formas de reduzir os custos sem dispensar funcionários?

 

Felizmente existem muitos outros custos que podem ser reduzidos ou cortados e não geram a necessidade do pagamento de multas. Mas com frequência eles são deixados de lado em função de sua pouca representatividade, porém quando são somados esses vários pequenos gastos se tornam impactantes e fazem muita diferença para uma empresa.

 

Confira abaixo 3 itens simples aos quais você deve prestar atenção se quiser reduzir os custos de sua empresa:

 

1 – Telefone

 

Primeiro você deve analisar suas contas telefônicas e entender o motivo causador dos gastos com telefone. Já houve casos de empresas que os maiores gastos com telefone, vinha da troca de mensagem da colaboradora com seu namorado, por isso é de extrema importância sempre entender os valores da conta.

 

Depois é interessante conhecer a real necessidade de sua empresa: realizam muitas ligações interurbanas, as chamadas são para telefone fixo ou móvel. Com essas necessidades conhecidas, faça orçamentos com as operadoras, compare-as e escolha a melhor.

 

Também se lembre de que é possível permitir que o telefone fixo realize ligações apenas para outro fixo e da mesma forma o móvel. Para isso basta entrar em contato com a operadora pedindo o bloqueio, uma simples ação que pode ajudar no período de crise a reduzir os custos de sua empresa.

 

2 – Skype

 

Esse programa pode auxiliar muito na redução dos gastos com ligações, há empresas que adotam apenas o Skype para a realização de ligações, sendo assim não necessitam de 1 aparelho telefônico para cada pessoa. Com isso já geram uma grande economia e também as tarifas cobradas são bem acessíveis, principalmente no caso de ligações interurbanas. Há caso de empresas que conseguiram reduzir em mais de 100% os gastos com telefonia ao aderirem ao Skype.

 

3 – Tarifas Bancárias

 

Você está satisfeito com as tarifas que o seu banco cobra de você? Há bancos que cobram R$ 9,00 por um boleto e outros R$ 2,30, em uma empresa que emite 1.000 boletos por mês representa uma economia de R$ 6.700,00 mensais só com os valores dos boletos.

 

Consulte as tarifas dos bancos, busque negociar os valores, compare-os e não tenho medo de mudar a sua conta de banco, caso haja uma melhor oferta, o incômodo é menor do que o imaginado. Além de observar as tarifas, preste atenção nos rendimentos, há aplicações automáticas em que enquanto o dinheiro da sua empresa está na conta corrente, ele está rendendo, parece ser pouco, mas em um longo período faz grande diferença.

 

O livro o Poder do Hábito menciona: “Durante uma turbulência os hábitos organizacionais se tornam maleáveis”. Ou seja, há maior aceitação para as mudanças, então porque não analisar o banco que você possui a sua conta, rever a sua operadora telefônica e pensar na utilização de um Skype para reduzir os custos de sua empresa.

 

Trate a crise como uma oportunidade para a sua empresa, oportunidade de realizar mudanças que em outras épocas não seriam possíveis. Aproveite a crise, não só para reduzir os custos, mas também para se diferenciar dos seus concorrentes, sabendo aproveitar as oportunidades que ela proporciona.